Anterior

Câmara pode votar na semana que vem modificações no Código de Trânsito

12/09/2020

Anterior

Próxima

Agências do INSS retomam atendimento presencial na segunda-feira

12/09/2020

Próxima
12/09/2020 - 09:20
Em um mês, fluxo de passageiros cresce 62,5% em Alagoas

Retomada da atividade turística é impulsionada pela ampliação da malha aérea do Estado, que vem sendo gradual e contínua
Por: Texto de Thiago Tarelli
 Foto: Ascom Sedetur 

A retomada gradual da atividade turística em Alagoas já colhe os primeiros resultados. O fluxo total de passageiros do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares cresceu 62,5% em um mês, no comparativo entre os meses de agosto e julho deste ano. Já com relação a abril, primeiro mês de impacto da pandemia na malha aérea, o crescimento é de 495%. Os dados são da AENA Brasil, entidade responsável pela administração do equipamento.

Em números totais, quase 43 mil passageiros passaram pelo Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares durante todo o mês de agosto. Em julho, este número era de pouco mais de 26 mil. Já em abril, primeiro mês após a redução drástica da malha aérea do país em função da pandemia do novo coronavírus, o mesmo índice era de 7 mil pessoas.

O crescimento no fluxo de passageiros é resultado direto da ampliação da malha aérea alagoana, trabalho encabeçado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur). Atualmente, Alagoas conta com sete voos diários com destino a São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF) e Salvador (BA). Em março, no período anterior a pandemia, este número era de 26 operações aéreas por dia.

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, o crescimento no fluxo de passageiros está dentro do estabelecido como meta pela gestão estadual, que lidera a relação comercial com as companhias aéreas.

“Seguimos crescendo de forma gradual, contínua, responsável e vitoriosa. Ainda no início da pandemia, traçamos um plano de trabalho junto aos principais players do setor para que o Destino Alagoas liderasse a retomada do turismo no Brasil. Fizemos isto concedendo incentivos às empresas aéreas e promovendo ações de marketing promocional com os mais fortes do mercado, promovendo os atrativos alagoanos e fazendo com que, assim que a operação aérea retomasse e as vendas iniciassem, Alagoas estivesse no topo deste ranking. Se seguirmos crescendo dessa forma, certamente atingiremos o patamar dos 70% da malha aérea - em comparação ao contingente pré-pandemia - ainda em dezembro, como havíamos previsto”, celebra Rafael Brito.

Maceió é primeira capital do Nordeste em reservas de hotéis

Outro indicador que mostra como a retomada do turismo em Alagoas tem sido de sucesso, foi a pesquisa da Omnibees, encomendada pela revista Panrotas, que revelou que Maceió é a capital do Nordeste com o maior número de reservas de hotéis no mês de agosto deste ano. Desde o início da pandemia a plataforma monitora mais de 5 mil empreendimentos hoteleiros no Brasil.

Vinte cidades concentram 55,64% de todas as reservas geradas no Brasil pela plataforma Omnibees na última semana de agosto. São Paulo (SP) lidera o ranking, seguida de Rio de Janeiro (RJ), Gramado (RS) e Ipojuca (PE), que completam o top 5 junto de Maceió (AL).






Link:




Deixe seu comentário



Newsletter
Cadastre seu email e receba nossos informativos e promoções de nossos parceiros.